RORAIMA ADVENTURES

Conheci através de amigos de amigos e nem sabia que existia o Monte Roraima.

Boa Vista é uma cidade muito atraente, assim como Brasília, pôde ser planejada prevendo bem-estar e lazer à população, o que proporciona uma qualidade de vida invejável a qualquer morador de uma grande metrópole. Suas praias de água doce são impressionantes pelo tamanho, coisa não muito comum na região onde vivo.

Quando soube que iria ter um guia de SP nos acompanhando, imaginei que iríamos ser recebidos logo no check-in, mas acredito que pelo fato de ter chegado um pouco em cima do horário, o guia não iria se arriscar em perder o voo também. Para matar o tempo, a diversão foi procurar alguém com a mochila da Venturas e ficar imaginando como seria o perfil dela para a trilha. O atendimento no aeroporto foi normal, não sei se por ser o primeiro dia, achei que foi algo comum sem nenhuma surpresa.

Por ser uma viagem de aventura, uma expedição, percebi que o cronograma do primeiro dia foi muito bem elaborado. Ao acordar, ao invés de “pegar no batente”, fizemos um passeio no Rio Branco, um almoço (excelente peixinho assado e a farofa então… nem se fala…) e um tour pela cidade que fez aumentar o entrosamento da turma e ao mesmo tempo preparar a turma para a caminhada. Ao anoitecer tivemos o briefing da caminhada, o que mostrou a seriedade e o tamanho da “encrenca” que nos esperava pela frente, mas ao mesmo tempo criando uma deliciosa expectativa de como seria nossa caminhada. Acredito que pelo nível de dificuldade e pela diversidade de personalidades encontradas num ambiente amplo sem seleção, “esta pessoa” conseguiu conduzir o grupo de forma extraordinária.

O que significou a trilha do Monte Roraima para mim em termos existenciais? É estranho ter que responder a esta pergunta porque nunca tinha feito uma caminhada deste nível de dificuldade, apesar do cansaço físico da trilha, as imagens do Monte iam tomando tamanho, definição e mostrando-se totalmente imponente. A vontade de alcançar o topo tornava-se cada vez maior e ao mesmo tempo gerava uma sensação de medo sobre o desconhecido (paredão a ser vencido). Cada dia que passava sentia que uma barreira havia sido conquistada e ficava me perguntando como conseguiria chegar ao topo. O desafio, a caminhada, o cansaço, as dores, a união da equipe, a alegria dos guias e o sorriso dos índios mostravam o por quê de estar indo ao Monte Roraima.

É difícil descrever as qualidades do Léo (nosso guia de trilha). Tem que estar caminhando junto com ele para saber quem é esta pessoa. Mas em algumas palavras: companheiro, amigo, líder e improvisador, para se ter uma ideia havia um aniversariante e como todo bom aniversário… houve bolo, bexiga e tudo mais… impressionante!

Quando li o prospecto da viagem e os itens que estavam inclusos, e vi o item “carregadores”. Imaginei que “carregadores” seriam homens carregando nossas comidas, sacos de dormir, isolantes, além das coisas deles… Ao chegar no primeiro acampamento no Rio Tek, percebo que os “carregadores” são além dos homens, mulheres e crianças (adolescente) com o mundo nas costas subindo e descendo o Monte. O choque foi muito grande e comovente pois eles passavam do nosso lado sempre sorrindo e alegre, sem demonstrar um pingo de cansaço… Infelizmente aquilo é Venezuela e nada sei sobre a cultura ou se aquilo é alguma forma de sobrevivência, mas seria interessante se houvesse algum movimento para que as mulheres e crianças fossem poupados.

Fica difícil descrever todos os momentos vividos, acho que tudo deu tão certo na viagem que não há palavras ou comentários sobre o que passamos. Sabíamos que na viagem haveria muita chuva, muito stress, cansaço do grupo e muito desentendimento. Começamos a caminhada temendo várias coisas, várias intempéries, mas o que vimos foi o céu abrindo cada vez que chegávamos ao Monte. Pegamos tempo nublado, névoa, vento, mas nada que atrapalhasse a vista e a caminhada ao Monte. O grupo acordava todos os dias animados e cada vez mais unidos, o que fortalecia a vontade de chegar ao Monte com tempo bom e foi o que aconteceu: céu azul, noites estreladas, paisagens maravilhosas e o todos sorrindo feito crianças. Para não dizer que não pegamos chuva, choveu na volta, no penúltimo dia, mas não foi aquele balde de água, foi uma chuva tranquila para refrescar a mente e o corpo. Fomos abençoados!

Depois dessa viagem não pensaria duas vezes em fazer outra do mesmo nível. Infelizmente descobri que preciso estar preparado fisicamente para encarar desafios desse nível, no meu ponto de vista, esse tipo de caminhada é nível difícil para cima. A parte mais chata da viagem foi a despedida. Realmente ter que deixar todas as coisas que vivemos durante a viagem ao Monte Roraima é de partir o coração. Os detalhes colocados pelo nosso receptivo (Roraima Adventures) fez com que não fosse apenas uma viagem com um grupo de pessoas onde se conhecem e quando acaba: FIM!, cada um vai para seu lado.

Realmente foi uma experiência de vida, cada momento que passávamos juntos sentíamos que aquilo era algo especial, diferente de todas as viagens que já tinha feito até então. No final, quando chegamos a aldeia Paraitepuy, fomos recebidos de forma diferente, como se fossemos vencedores (mas nada paga a Coca-Cola geladinha nos esperando para ser apreciada) com direito a música e uma saborosa “quentinha”. As lembrancinhas que ganhamos foram recebidas com muita emoção, cada palavra dita e cada gesto comoviam todos de forma a sentir que aquilo era diferente, era uma experiência de vida.

OBS: perdi a conta de quantas vezes assisti o vídeo e percebi o quanto fomos abençoados nessa viagem…

Pergunte ou Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sobre Nós

RORAIMA ADVENTURES TURISMO LTDA

CNPJ: 05.276.517/0001-21

Fale Conosco

+55 (95) 3624-9611 (Horário Normal de Funcionamento)

+55 (95) 99115-1514 (WhatsApp Horário Normal de Expediente)

+58 416 794 2093 (WhatsApp 24 horas – Home Office)

+55 (95) 99115-4171 (Plantão Apenas Para Emergências)

+55 (95) 99111-0177 (Plantão Apenas Para Emergências)

Receba Promoções em seu e-mail

Curta Nossa Página

© Copyright Roraima Adventures | Turismo de Aventura
TRANSLATE SITE »