Sangue, Suor e Lágrimas – Venezuela

Esta aventura começou de forma muito despretensiosa e tinha tudo para não acontecer, mas os Deuses das Viagens conspiraram a meu favor e aqui está mais uma grande história contada.

Um belo dia recebo uma mensagem de meu amigo Raphael pedindo dicas de lugares para se visitar no Brasil. Ele tinha ganhado uma passagem de ida e volta para qualquer lugar do Brasil (percebam bem, ele escreveu UMA). Respondi a ele dizendo das belezas de nosso país; das praias as florestas, passando pelo Pantanal e Chapada Diamantina e no fim da mensagem citei que fazia pouco, havia escutado sobre subir o Monte Roraima. Passado uma semana, outra mensagem de mesmo remetente. Logo pensei mais alguma dúvida do Raphael. Para minha grata surpresa ele me convidava para subir o Monte Roraima com ele, já que ninguém mais quis topar esta parada. A promoção que ele ganhou dava direito a uma passagem para acompanhante. Mas e agora o que fazer? Fabi grávida, que por razões óbvias não iria me acompanhar, foi a maior incentivadora. E o trabalho? A data da subida era apenas duas semanas após minha volta de 20 dias de férias por Rússia e Uzbequistão. A resposta da chefa foi: Se sua mulher não colocou empecilhos, quem sou eu para fazê-lo. Após muito SUOR, consegui realizar mais este sonho, obrigado aos Deuses das Viagens por mais esta aventura.

Dia 13/08 às 5 horas da madrugada a van passava na porta do hotel para nos pegar, começava a aventura e mal sabíamos a experiência que viveríamos. De Boa Vista até a fronteira com a República Bolivariana da Venezuela o grupo (7 turistas e 3 guias) teria 3 horas para se conhecer melhor, mas a conversa só engrenou mesmo depois da primeira parada para comer algo.
Na fronteira a burocracia de sempre. Meu passaporte quase cheio recebeu um carimbo que nenhum brasileiro jamais pensou em ter: um carimbo brasileiro. Próxima parada Santa Helena de Uairén. Por lá, trocamos a van por um 4X4, parada para um café reforçado e o saco de plástico dentro da mochila. Dica essencial do Magno da Roraima Adventures (agencia que organizou nosso tour) para manter suas roupas sempre secas. Mais 40 minutos até a entrada do parque e 4 horas de caminhada até o local da primeira noite: Rio Tek.

Após 15 quilômetros sentimos que teríamos que dar o SANGUE nesta viagem. Sim, literalmente doaríamos nosso precioso líquido vermelho aos puri puri (tipo de borrachudo) que infestavam o lugar e não poupavam ninguém.

Meu muito obrigado a todos amigos e a Roraima Adventures.

Veja o Depoimento Completo AQUI

Pergunte ou Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sobre Nós

RORAIMA ADVENTURES TURISMO LTDA

CNPJ: 05.276.517/0001-21

Fale Conosco

+55 (95) 3624-9611 (Horário Normal de Funcionamento)

+55 (95) 99115-1514 (WhatsApp Horário Normal de Expediente)

+58 416 794 2093 (WhatsApp 24 horas – Home Office)

+55 (95) 99115-4171 (Plantão Apenas Para Emergências)

+55 (95) 99111-0177 (Plantão Apenas Para Emergências)

Receba Promoções em seu e-mail

Curta Nossa Página

© Copyright Roraima Adventures | Turismo de Aventura
TRANSLATE SITE »